Sexta-feira, 22 de outubro de 2021
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Buscar
Fechar [x]
SAÚDE
15/05/2020 09h05

Sindicato se diz contrário à redução dos salários dos médicos do HNSC

Em nota, Simesc ressalta que profissionais devem ser valorizados durante pandemia

Após a notícia de que os médicos do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), em Tubarão, terão os salários reduzidos em 10% nos próximos três meses, o Sindicato dos Médicos do Estado Santa Catarina (Simesc) se manifestou contrário à redução.

Por meio de nota enviada aos meios de comunicação, o presidente da Regional Tubarão do sindicato, Eduardo Debom Viera, ressaltou que os médicos e demais trabalhadores da área da saúde estão lidando com o aumento da carga de trabalho diária durante esse período de pandemia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"A decisão do hospital vale a partir de maio e vai na contramão dos acontecimentos e do sentimento social aos profissionais da saúde, sobretudo quanto ao que diz respeito à negociação coletiva com as entidades de representação dos médicos, tendo em vista que a decisão foi unilateral", destacou também o advogado jurídico trabalhista do Simesc, Alberto Gonçalves Júnior.

O advogado do SIMESC advertiu ainda que a situação se agrava com relação àqueles que têm contrato de trabalho por meio de pessoa jurídica, pois o descumprimento de cláusulas contratuais pode gerar a paralisação de pleno direito dos serviços diante da inadimplência dos contratos.

Ainda segundo o sindicato, o último reajuste dos médicos que atuam na emergência do hospital de Tubarão ocorreu em 2015. "Essa situação mostra que a desvalorização destes profissionais não é uma situação exclusiva deste momento de pandemia”, comentou o presidente do Simesc, Cyro Soncini.

Fonte: Redação
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.