Quarta-feira, 26 de janeiro de 2022
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Buscar
Fechar [x]
GERAL
14/01/2022 13h23

Primeiro júri popular de SC em 2022 julgará caso de feminicídio em Garopaba

O réu é acusado de provocar a morte de sua companheira com uso de um cadarço e um travesseiro

A primeira sessão do júri de 2022 em Santa Catarina acontecerá nesta sexta-feira (14), na comarca de Garopaba, no Sul do Estado, e irá julgar um caso de homicídio quadruplamente qualificado, ocorrido em dezembro de 2018.


O julgamento terá início às 9h na Câmara de Vereadores, e será presidido pela juíza substituta Keila Lacerda de Oliveira Magalhães Garcia.


O réu teria investido contra a companheira e provocado sua morte com uso de um cadarço envolto em seu pescoço e a colocação de um travesseiro em seu rosto. A perícia apontou que a morte foi provocada por asfixia e estrangulamento.


A mulher teria ingerido bebida alcoólica em momento anterior, o que a colocou em posição inferior e dificultou sua defesa. O casal estava em um apartamento de aluguel para a temporada de verão. A vítima foi encontrada pelos proprietários do local.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O homem será julgado por homicídio quadruplamente qualificado por motivo fútil, emprego de asfixia, recurso que dificultou a defesa da vítima e feminicídio.


Ele ficou foragido por 18 meses, foi localizado e preso em julho de 2020 na cidade de Santo André/SP, e aguarda o júri preso preventivamente. O processo tramita em segredo de justiça. 


Siga nosso Instagram e acompanhe tudo o que acontece no Sul. Agora: https://www.instagram.com/portalsulagora/

Fonte: Tribunal de Justiça de Santa Catarina
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.