Sexta-feira, 22 de outubro de 2021
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Buscar
Fechar [x]
GERAL
04/07/2020 09h26

Presidente visita SC para sobrevoar cidades atingidas por ciclone

Comitiva passa por cidades afetadas na Grande Florianópolis; expectativa é de liberação de recursos para recuperação de SC

O presidente Jair Bolsonaro chegou às 8h18min deste sábado (4) a Santa Catarina, com o objetivo de sobrevoar algumas cidades afetadas pelo ciclone bomba que atingiu o Estado na terça-feira (30). Ele estava de máscara e pousou no Aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis, justamente por onde começa a visita.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ao deixar o avião, Bolsonaro conversou com autoridades e tirou fotos com algumas pessoas. A vice-governadora de SC, Daniela Reinehr (fiel apoiadora do presidente e que mantém um atrito com o governador Carlos Moisés) foi uma das que recebeu o chefe de Estado. Os senadores Dário Berger (MDB), Espiridão Amim (PP) e Jorginho Mello (PL) também acompanham Bolsonaro durante a passagem por SC.

Essa é a terceira vez de Bolsonaro em Santa Catarina como presidente. No ano passado ele esteve em Camboriú, para a abertura do Congresso dos Gideões em maio, e em Florianópolis para um evento na Academia Nacional da Polícia Rodoviária Federal, em outubro.


Cerca de 25 minutos depois de desembarcar, o helicóptero da Força Aérea Brasileira decolou e começou a rota pelas regiões atingidas pelo ciclone. Estão na comitiva do presidente o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e o secretário Nacional de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif Junior.

Como o governador Carlos Moisés está isolado após diagnóstico de Covid-19, a vice-governadora Daniela Reinehr é quem representa o Estado na recepção do presidente.


De helicóptero, a comitiva com Bolsonaro deve sobrevoar as cidades de Governador Celos Ramos e Tijucas, na Grande Florianópolis. A previsão é concluir o voo por volta das 10h30min, quando o presidente voltará ao aeroporto para uma reunião com autoridades.

A expectativa é de que Bolsonaro anuncie a liberação de recursos para ajudar na reconstrução das cidades mais afetadas.

Em uma das tradicionais transmissões ao vivo pelas redes sociais, na quinta-feira (2), Bolsonaro disse que pretende "ver a profundidade do problema" e "ficar à disposição dos governadores". Antes do presidente, o secretário nacional de Proteção e Defesa Civil, Alexandre Lucas Alves, já sobrevoou áreas atingidas em Santa Catarina nesta sexta, acompanhado pelo chefe da Defesa Civil de SC, João Batista Cordeiro.

Fonte: NSC Total / Foto: Diorgenes Pandini
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.