Quinta-feira, 24 de setembro de 2020
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Buscar
Fechar [x]
BRASIL
19/01/2020 07h53

Inep encontra inconsistência que gerou notas baixas em correção do Enem

Cerca de 39.000 alunos podem ter sido afetados

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, informou que foram encontrados quatro casos de inconsistências na correção da segunda prova do exame, cujos resultados foram divulgados na sexta-feira (17).

Devido ao erro, alguns alunos relataram nas redes sociais terem sido surpreendidos com notas baixas. O Inep afirmou acreditar que 1% dos candidatos foram afetados, o que totalizaria cerca de 39.000 pessoas. Até agora, foram confirmados quatro casos, todos em Viçosa, em Minas Gerais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Pelo Twitter, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, disse que até segunda-feira (20) o problema será resolvido e ninguém será prejudicado. Segundo o ministro, o alcance do problema é “muito baixo”.

“Houve inconsistência no gabarito de algumas provas do Enem 2019 e, por isso, candidatos foram surpreendidos com os resultados de suas notas. O número é muito baixo. Até segunda-feira, dia 20, tudo será resolvido. Pedimos desculpas aos participantes do exame pelo transtorno”, escreveu o ministro.

Fonte: Exame
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia