Quarta-feira, 22 de maio de 2024
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Buscar
Fechar [x]
GERAL
16/02/2024 07h40

Mais uma catarinense é condenada pelos atos de 8 de janeiro

Dirce Rogério, de 55 anos, é moradora de Rio do Sul e foi condenada a 16 anos e 6 meses, sendo 15 anos de reclusão e 1 ano e 6 meses de detenção

A quarta catarinense acusada de envolvimento nos atos de 8 de janeiro de 2023, em Brasília, foi condenada pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Dirce Rogério, de 55 anos, é moradora de Rio do Sul e chegou a ficar oito meses presa na Penitenciária Estadual Feminina do Distrito Federal, sendo liberada no dia 1° de setembro para aguardar o julgamento, sob uso de tornozeleira eletrônica.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Dirce foi condenada a 16 anos e 6 meses, sendo 15 anos de reclusão e 1 ano e 6 meses de detenção, informou o portal ND+. Ela também foi condenada à pena pecuniária de 100 dias-multa, em que cada dia-multa tem o valor de um terço do salário mínimo.

A Procuradoria-Geral da República (PGR) apresentou denúncia contra Dirce pelas práticas dos crimes de associação criminosa armada, abolição violenta do Estado Democrático de Direito, tentativa de golpe de Estado, deterioração de patrimônio tombado e dano qualificado pela violência e grave ameaça com emprego de substância inflamável.

Além de Dirce, outros três catarinenses já foram presos pelos atos de 8 de janeiro, sendo eles de Blumenau, Balneário Camboriú e Joinville.

Receba outras notícias pelo WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Sul Agora.

ND+
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.