Domingo, 23 de junho de 2024
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Buscar
Fechar [x]
BRASIL
30/05/2024 16h24

Mulher é suspeita de matar namorado com brigadeirão envenenado

O corpo foi encontrado em avançado estado de decomposição no apartamento em que eles moravam

A Polícia Civil do Rio de Janeiro procura uma mulher suspeita de ter matado o namorado com um brigadeirão envenenado. O corpo foi encontrado em avançado estado de decomposição no apartamento em que eles moravam, no bairro Engenho Novo, zona norte da capital.


Luiz Marcelo Ormond, de 44 anos, foi visto pela última vez na tarde de sexta-feira (17), saindo da piscina do prédio, acompanhado de Júlia Pimenta, de 29 anos. O momento foi gravado por câmeras de segurança do edifício. As imagens mostram os dois no elevador. O empresário tosse bastante e aparenta estar com tontura, chegando a se apoiar na lateral.


O corpo de Luiz Marcelo foi achado na segunda-feira (20) no sofá da sala após a denúncia de vizinhos, que sentiram um cheiro forte vindo do apartamento. A polícia solicitou exames complementares para apurar as causas do óbito.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Uma cigana identificada como Suyane Breschak foi presa suspeita de participar da trama. Segundo as investigações, Júlia devia dinheiro à mulher, que seria uma espécie de mentora espiritual, e planejou matar o namorado para se apossar dos bens e do dinheiro dele e pagar as dívidas.


A cigana confessou à polícia que sabia do plano e disse, inclusive, que Júlia chegou a enviar mensagens a ela após o crime se queixando do cheiro forte do corpo da vítima.


Receba outras notícias pelo WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Sul Agora.

Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.