Quarta-feira, 23 de setembro de 2020
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Buscar
Fechar [x]
SEGURANÇA
08/01/2020 20h52

Juiz nega pedido de soltura de soldador que furtou mais de R$ 92 em moedas

A decisão foi baseada nos antecedentes do acusado, que inclui condenação

Um soldador de Tubarão acusado de furtar R$ 92,55 em moedas e com histórico de arrombamentos teve a prisão em flagrante convertida em preventiva. Durante a audiência de custódia, o advogado de defesa pediu ao juiz a soltura do homem com o argumento de se tratar de um caso com insignificância, inclusive com todos os objetos furtados devolvidos à vítima.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O juiz negou o pedido em função dos antecedentes do acusado: condenação anterior e a existência de outros processos em trâmite por furtos.

O homem invadiu um escritório de contabilidade no bairro Oficinas pelo telhado. Ele não contava com o alarme e com um vizinho observador. No momento em que escutou a movimentação, o vizinho avistou o suspeito em fuga e ligou para a polícia. Quando abordado pelos policiais, o soldador estava com uma bolsa com o símbolo do escritório de contabilidade e com as moedas.

Fonte: Redação
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia