Quinta-feira, 02 de dezembro de 2021
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Buscar
Fechar [x]
MUNDO
20/08/2020 14h19

Coreia do Sul vê risco nacional em surto de covid-19 em igreja

Alguns membros da igreja estão relutando para se apresentar e ser examinados ou para se isolar

A Coreia do Sul registrou nesta quarta-feira (19) seu maior aumento diário de casos do novo coronavírus desde o início de março, em decorrência da disseminação de surtos surgidos em igrejas da capital, o que provocou um alerta para uma onda nacional de infecções.


As 297 novas infecções marcam o sexto dia seguido de elevação de três dígitos em um país que conseguiu conter vários surtos anteriores. O total nacional subiu para 16.058 infecções e 306 mortes, de acordo com dados do Centro para Controle e Prevenção de Doenças da Coreia (KCDC).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Quase 90% dos novos casos surgiram na capital Seul e em áreas vizinhas, causando o temor de uma proliferação rápida do vírus em uma região metropolitana de mais de 25 milhões de habitantes.


Ao menos 166 das infecções novas estão ligadas à Igreja Sarang Jeil, o que eleva o número de casos surgidos ali para 623. As autoridades mobilizaram cerca de 8.500 policiais para rastrear mais 600 membros da congregação que deveriam estar isolados e tentam examinar todos seus 4 mil integrantes.


Alguns membros da igreja, que é administrada por um pastor conservador radical, estão relutando para se apresentar e ser examinados ou para se isolar, disseram autoridades.

Fonte: Agência Brasil - Foto: Divulgação
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.