Quinta-feira, 01 de outubro de 2020
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Buscar
Fechar [x]
GERAL
17/02/2020 19h30

Três propostas são entregues para leilão de concessão do trecho sul da BR-101

Os documentos serão analisados sexta-feira. Vencerá o menor valor de pedágio

Duas empresas e um consórcio apresentaram nesta segunda-feira (17) propostas para disputar a concessão do trecho sul da BR-101, entre Palhoça e a divisa com o Rio Grande do Sul. O leilão está marcado para a próxima sexta-feira (21), quando os envelopes serão abertos e vencerá quem oferecer o menor valor a ser cobrado nos quatro pedágios que serão instalados - o preço não pode ser superior a R$ 5,19.

Entregaram documentos os grupos CCR e EcoRodovias, ambos com sede em São Paulo, e o consórcio liderado pela Global Logistic Properties (GLP), com escritórios em São Paulo e Rio de Janeiro. A Arteris, controladora da Autopista Litoral Sul, tinha a participação dada como certa no processo, mas não entregou proposta.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O vencedor será responsável, durante 30 anos, pela operação, manutenção, monitoração, conservação e implantação de melhorias no trecho de 220,4 quilômetros de extensão. Serão implantados pedágios em Laguna, Tubarão, Araranguá e São João do Sul.

Os representantes da Federação Catarinense de Municípios (Fecam) e associações de municípios como a Amurel discordam da quantidade de praças de pedágios e das tarifas, bem mais caras que os valores cobrados no norte do estado. Já para a Federação da Indústrias (Fiesc), sem a concessão, a falta de manutenção da rodovia exigirá investimentos muito maiores.

Fonte: Priscila Loch/Sul Agora
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia