Terça-feira, 28 de maio de 2024
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Buscar
Fechar [x]
GERAL
16/05/2024 16h46

Normalistas do São José comemoram 67 anos de amizade e encontros

Amigas realizaram o último dos 43 encontros oficiais, mas seguirão se reunindo

“Gratidão é a palavra que define nosso sentimento após o emocionante encontro de ex-alunas normalistas do ano de 1957, que celebraram juntas 67 anos de formatura aqui no Colégio São José. Foi uma honra receber todas elas para reviverem memórias preciosas e reafirmarem laços de amizade. Elas fazem parte da história desta instituição”.


Assim a direção e funcionários do Colégio São José, de Tubarão, homenagearam a turma de amigas que, após 67 anos de sua formatura, mantêm amizades e encontros oficiais anuais. Este ano, no entanto, foi a última vez que um evento formal foi realizado. A matéria sobre o encontro foi publicada pelo Diário do Sul, na edição de hoje.


“Ao longo de todo esse tempo, foram pelo menos 43 encontros. Começamos com reuniões informais, depois algo mais oficial, com programação e tudo mais. Nos últimos 30 anos, nossa turma se reuniu anualmente. Sempre com início e fim no colégio. E agora, há cerca de três anos, passamos o dia todo na instituição que tão bem nos acolheu e onde nasceu nossa amizade”, conta Elza Borba de Oliveira, uma das normalistas organizadoras do encontro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mas engana-se quem pensa que os encontros acabaram. “O que não vamos mais fazer são estes eventos oficiais, mas sem dúvida nenhuma continuaremos a nos encontrar, frequentemente”, garante dona Elza.


Neste último encontro, nove amigas participaram. “Muitas moram fora de Tubarão e não conseguiram vir. Outras, infelizmente, já faleceram. Mas todas, certamente, estão juntas em pensamento e amor”, afirma.


Falecida no ano passado, uma das normalistas da turma, Ilza Fretta May, teve sua filha, Vanessa, como representante no evento.


Normalistas


Durante muitos anos, o Colégio São José foi formador de turmas de normalistas, que se transformaram em professoras do ensino fundamental. Muitas eram internas no colégio, outras iam e voltavam para as aulas. Todas fazem parte desta história. 


Receba outras notícias pelo WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Sul Agora.

Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.