Quinta-feira, 22 de outubro de 2020
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Buscar
Fechar [x]
GERAL
06/02/2020 19h41

Maciel Brognoli: A misteriosa Pedra do Equilíbrio

Certo dia, eu conversava com um amigo sobre as paisagens naturais existentes na região e, entre tantas belezas que podíamos destacar, eu revelei que achava impressionante e enigmática a Pedra do Frade, na praia do Gi, em Laguna. Eu pensei que ele concordaria comigo, mas foi grande a minha surpresa quando ele deu uma risadinha sarcástica, balançou os ombros e disse:


— Rapaz, aqui em Tubarão existe uma formação rochosa infinitamente mais intrigante do que aquela de Laguna. Se tu admiras a Pedra do Frade, vais ficar encantado com a Pedra do Equilíbrio. É inacreditável! São duas pedras sobrepostas de um jeito que contraria a lógica e a gravidade.


E foi assim que minha curiosidade foi estimulada. Dias depois, eu preparei uma expedição solitária e fui procurar a tal Pedra do Equilíbrio. Depois de uma longa e penosa caminhada por uma picada irregular e mal feita, que a cada novo passo me fazia perder o equilíbrio, avistei a magnífica pedra em meio ao matagal.


Posso garantir que não foi exagero do meu amigo. A Pedra do Equilíbrio de fato faz jus ao nome. Eu me aproximei com cautela e fiquei a uma distância que julguei segura, pois o centro de equilíbrio entre as duas pedras é tão estreito que eu tive a impressão de que, se um ventinho qualquer soprasse, a pedra superior seria derrubada com certa facilidade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para chegar à Pedra do Equilíbrio, localizada no bairro Sertão dos Corrêa, é preciso pedir informações aos moradores locais e também contar com a sorte, pois não existe uma única placa de indicação. A trilha de acesso está fechada pela vegetação, e aparentemente não há interesse do poder público por manter em condições de trafegabilidade para facilitar a visitação, fato que é tão misterioso quanto a própria pedra, considerando que estou a falar de um local de rara beleza e que se fosse bem explorado, alavancaria o turismo no município.

Conhecer a Pedra do Equilíbrio é uma sensação indescritível. Mas, infelizmente, quase ninguém sabe que esse lugar existe. E quem conhece prefere não voltar a arriscar a enfrentar as dificuldades da caminhada repleta de incertezas e obstáculos.

A despeito de tudo isso, eu convido os leitores a conhecerem essa joia tubaronense. Quanto mais pessoas visitarem e divulgarem a misteriosa Pedra do Equilíbrio, mais cedo ela sairá do abandono, pois assim os olhos apáticos e as mãos lentas do poder público se voltarão para lá.

Ao poder público, eu faço este respeitoso mas vigoroso apelo, esperando que os leitores desta crônica a compartilhem, colaborando para a valorização da Pedra do Equilíbrio, essa preciosidade escondida no meio do matagal.

Fonte: Maciel Brognoli/Crônicas e Contos/Sul Agora
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia