Terça, 11 de agosto de 2020
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Buscar
Fechar [x]
GERAL
04/12/2019 06h12

Laguna pode ter ponte ligando o bairro Magalhães e a Ponta da Barra, como alternativa à balsa

Opção de trajeto hoje é pela balsa, com valores considerados abusivos pelos usuários

Um desejo antigo de muitos moradores pode virar realidade, em Laguna. O governo do Estado autorizou a elaboração do projeto com recursos próprios, no valor de aproximadamente R$ 3,5 milhões, para a construção de uma ponte no município. A estrutura ficaria onde hoje passa a balsa, entre o bairro Magalhães e a SC-100, na localidade da Ponta da Barra.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A notícia foi recebida pelo prefeito Mauro Candemil e pelo vice-prefeito, Júlio Willemann, em reunião com o presidente da SC Par, Gustavo Pereira, e o administrador Fernando Weck, para tratar sobre o processo de reestruturação que vem passando o Terminal Pesqueiro de Laguna.


Segundo o prefeito Mauro Candemil, este primeiro passo para colocar o projeto em prática já é de suma importância. De acordo com Candemil, em entrevista ao jornal Diário do Sul, Laguna não tem como arcar com esta obra e, com o projeto feito, o governo vai saber quanto custará a construção da ponte e tentará viabilizar recursos para sua execução. A expectativa, ainda segundo Candemil, é que a travessia esteja pronta até o final desta gestão do governo estadual. 


Usuários que passam pela balsa hoje consideram os valores abusivos – R$ 17 para automóvel e R$ 3 para moto (e R$ 10 para os moradores da ilha).

 

Porto pesqueiro

 

A SC Par passou a administrar o Porto em setembro deste ano. A intenção é atingir a movimentação de aproximadamente 2.500 toneladas de pescado por mês, gerando até 200 empregos diretos e indiretos. Estudos de zoneamento e apropriação estão sendo realizados.

 

Na oportunidade, o prefeito Mauro Candemil solicitou quatro importantes demandas ao presidente:

 

- a destinação de uma área para construção de um centro de eventos,

 

- a transferência do prédio em frente ao porto pesqueiro, que hoje encontra-se abandonado, aprofundamento da abertura do canal, e determinação de uma área para saída da balsa.

 

“Com a finalização deste estudo de zoneamento e apropriação teremos a possibilidade de destinar um local, com cerca de 10 mil metros, para realização da praça de eventos. Estamos verificando também, a possibilidade ceder o prédio em frente ao porto, para instituições filantrópicas de Laguna.” afirmou Gustavo Pereira, presidente da SC Par.


Acesso Norte


O processo licitatório da categoria concorrência pública para a pavimentação do acesso Norte deu início nessa terça-feira. As documentações de cinco empresas interessadas foram entregues para a Comissão de Licitações (Copeli) da prefeitura.  Agora, entram para análise dos engenheiros da secretaria de Planejamento.


A expectativa, caso não haja recursos por parte das empresas envolvidas, é conhecer a vencedora até o final do ano e iniciar as obras nos primeiros meses de 2020. As empresas credenciadas são Confer, de Criciúma; Setep, de Criciúma; BCL Construções, de Orleans; JR Construções, de Içara; e Qualidade, de Palhoça.

Fonte: Redação / Foto: Elvis Palma
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia