Sábado, 26 de setembro de 2020
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Buscar
Fechar [x]
GERAL
02/03/2020 21h56

Botos podem ter sido atingidos por embarcações antes de morrer

Possibilidade foi apontada nas necropsias realizadas nos animais

Os dois botos que morreram em Laguna nas últimas duas semanas podem ter sido atingidos por embarcações. As necropsias apontaram que os filhotes apresentavam fraturas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O primeiro boto-pescador encontrado morto era macho e tinha de 15 a 20 dias de vida. Media 1m45cm e pesava 32kg. A avaliação constatou trauma mecânico craniano na região temporal, estômago vazio e órgãos sem alterações. No segundo caso, tratava-se de um filhote macho de boto-pescador, residente na Lagoa de Santo Antônio dos Anjos, com pouco mais de 30 dias, que apresentava marcas pelo corpo de contato social e de atrito com as pedras, além de uma fratura de grande extensão no maxilar e desgastes na mandíbula.


Para evitar mais mortes, o Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA), em parceria com as demais instituições que integram o Plano de Ação Estadual para Conservação do boto-pescador, orienta os usuários de equipamentos náuticos, como lanchas e jet skis, que evitem circular pelo complexo lagunar Santo Antônio dos Anjos-Imaruí-Mirim, e pelo Canal da Barra. Quando for necessário passar, os pilotos devem redobrar a atenção e obedecer a velocidade limite.

Fonte: Instituto do Meio Ambiente - Foto: Polícia Militar Ambiental
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia