Sábado, 21 de maio de 2022
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Buscar
Fechar [x]

BLOGS E COLUNAS

Para inglês ver

13/05/2022 09h19

Quando subiu, mais uma vez, o preço do diesel, o presidente Bolsonaro exonerou o ministro de Minas e Energia, Beto Albuquerque.

Dias antes, havia pedido a cabeça, também, do presidente da Petrobras, general Joaquim Silva e Luna.

Com absolutamente nenhum resultado prático, Bolsonaro age para enganar a sua claque.

Agir diretamente na política de preços da empresa, um ato que, definitivamente, mudaria os rumos administrativos implantados desde 2016, ele não o faz.

Não age para atender interesses como, por exemplo, a rentabilidade dos acionistas minoritários. E, também, por pura incompetência gerencial.

Deixa se enganar quem quer.

PARA INGLÊS VER II

O discurso de que o governo abriu estudos para que a Petrobras venha a ser privatizada é mais um jogo de cena.

Ou alguém acredita que um governo que não conseguir privatizar nem a TV Lula consiga mudar os rumos da maior empresa do país?

INDIRETA

Quando, reiteradamente, você precisa afirmar algo para justificar os seus atos ou declarações, repense. Pior do que enganar os outros (ou pelo menos achar que engana) é enganar a si próprio.

O que já é feio fica ainda pior.

CURIOSO

É curioso como o caso “Douglas Antunes x Alunos sem diploma” sumiu de pauta.

O que era antes cobrado diuturnamente, inclusive, com relatos sobre os atos do Ministério Público a respeito do imbróglio, simplesmente parece ter nunca existido.

Escafedeu-se dos noticiários como num passe de mágica.

BOA NOTÍCIA

A decisão favorável ao Ministério Público de Santa Catarina que obteve a suspensão da lei municipal que permitia transferir a Praça Brasília (terreno onde estava localizado o antigo ginásio Otto Feurschutte) à iniciativa privada é um sopro de esperança.

Transferir um local com tanto potencial social para meia dúzia de abnegados é um tiro nas costas do cidadão tubaronense. Principalmente, quando este não tem oportunidade de debater em conjunto com a administração municipal qual seria a melhor proposta para a cidade.

MORRO DA GLÓRIA

O advogado Lucas Cadorin conquistou importante vitória ao reverter uma decisão da justiça de Laguna que pretendia demolir uma residência no Morro da Glória.

A sanha punitivista, o legalismo puro e inflexível e as inúmeras normas que mudam ao sabor do vento são dificuldades que o Estado impõe ao cidadão brasileiro.

Não são raros os exemplos de licenças ambientais expedidas para mineradoras em terras protegidas. Nem para grandes empreendimentos em áreas de preservação.

Em contrapartida, residências menores ou ranchos de pescadores viram alvos dos ditos guardiões da justiça.

Por que tanta diferença no tratamento? O mais fraco ficará servindo de exemplo até quando?

A política ambiental no país, antes de tudo, precisa ter critérios.

SE A MODA PEGA

Balneário Piçarras quer proibir a venda de bebidas alcoólicas para quem estiver embriagado.

As penalidades para quem vender pode ser de multa até a interdição do estabelecimento.

Imagine você a cena:

- Me vê mais uma cerveja.

- Não. Para você chega, você já está bêbado.

- Já não basta a minha mulher, agora você também?

NARRATIVA

 01


O gráfico acima demonstra que o Brasil aparece em último lugar nas projeções do crescimento do PIB na América do Sul.

Nossos vizinhos de continente passaram por lockdowns, enfrentam as mesmas dificuldades da crise global, mas não aparecem nessa posição vergonhosa do gráfico confeccionado pela Comissão Econômica para a América Latina - Cepal.

Esse governo tem muita responsabilidade no momento econômico sombrio que vivemos. Muita.

LOUCURA

Apenas nessa semana, na nossa região, tivemos a notícia de que um homem agrediu a sua esposa por horas com um facão.

Outro inqualificável, ao ver que a sua esposa, GRÁVIDA, gostaria de se separar, desferiu um soco no estômago da companheira.

O festival de covardias dessa natureza parece ter aumentado vertiginosamente.

E houve quem tenha acreditado que com a pandemia iríamos evoluir como seres humanos. Foi justamente o contrário.

JOÃO MARCELO
João Marcelo Fretta Zappelini
Formado em Direito pela Unisul, João Marcelo é empresário e proprietário do Cabanas Termas Hotel e da cervejaria Zappa Bier, em Gravatal. Tubaronense observador da cidade, escreve sobre assuntos do cotidiano.
CARREGAR MAIS
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Contato
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.