Quinta-feira, 15 de abril de 2021
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Buscar
Fechar [x]

BLOGS E COLUNAS

Bela Vingança – Uma Bela Surpresa!

06/04/2021 08h38

Dentre aqueles filmes indicados ao principal prêmio da noite de gala do cinema, que acontece no dia 25 deste mês, e que já passaram aqui pela coluna, uma tônica se fez presente: a de produções mais pesadas, mais densas, biografias, histórias reais, enfim, dramas pessoais como premissa.


E eis que chegamos à “Bela Vingança” (Promising Young Woman, Universal, 2020), o diferentão da turma, e uma inesperada, e belíssima, surpresa!


Traumas, violência sexual e… comédia?


A trama de “Bela Vingança” gira em torno de Cassie – interpretada de forma convincente e bastante impressionante por Carey Mulligan - uma jovem atormentada por um trauma (pesado!) dos tempos de faculdade, trauma este que só conhecemos ao longo da projeção, o que mantém o interesse e a dúvida do espectador sobre as motivações da protagonista. No início, o longa chega a flertar com a comédia, mostrando Cassie como uma espécie de justiceira ao enganar homens que tentam se aproveitar dela pelo simples fato de serem... homens… ou seja, um cenário bastante atual, infelizmente.


Neste contexto, o filme passa a impressão de ser mais um daqueles manifestos feministas que são, sim, importantes, mas que acabam passando despercebidos, não atingindo seu objetivo.


No entanto, aos poucos, a estreante diretora Emerald Fennell, também roteirista aqui, mostra talento ao relacionar essa premissa aparentemente superficial com o trauma principal da sua protagonista, o que transforma o filme em um daqueles thrillers de suspense dos bons, com reviravoltas e subtramas que prendem a atenção, e muito!


Termina bem… ou não?


O final não é exatamente uma surpresa, chegando, até certo ponto, a ser previsível em determinado momento da projeção, mas resolve bem as questões levantadas e amarra de forma muito correta este que, sem dúvida, é o mais diferente dos longas que concorrem ao prêmio de melhor filme no Oscar 2021.


É divertido, ao mesmo tempo em que é tenso, aceitarmos o convite feito pela diretora Fennell nessa sua estreia de torcermos pela heroína (ou será vilã?) durante toda a sua trajetória. Assista e tente descobrir! Vale muito a pena!

    

Serviço


O filme deverá estrear nos cinemas brasileiros (er… tem algum aberto??… Enfim…) no próximo dia 22, segundo a Universal. Se de fato isto ocorrer, corra e assista! - tomando todas as precauções necessárias e obrigatórias - obviamente.


Abaixo, as indicações que “Bela Vingança” recebeu, e onde concorre no Oscar:


- Melhor Filme

- Melhor Diretor – Emerald Fennel

- Melhor Atriz – Carey Mulligan

- Melhor Roteiro Original

- Melhor Montagem.

 


  • 1 / 1
MAX ALEXANDRE
Cultura pop (e outras nerdices)
Jornalista, comunicador social da prefeitura de Tubarão, apaixonado por filmes, séries, games, HQs e cultura pop em geral, desde sempre.
CARREGAR MAIS
Agora Sul
  • WhatsApp
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • E-mail
Sulagora.com. Tudo o que acontece no Sul. Agora. © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia